quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

José Castelo Branco E A Sem-Abrigo


Paneleirices à parte, este vídeo tem muito que se lhe diga.
Metade das pessoas que o vê critica o cinismo do Zé e fala do facto de ele não ser homem/mulher/o que quer que ele seja.
A outra metade tira-lhe o chapéu pelo discurso floreado mas muito acertado.

Eu faço parte do segundo grupo. Paneleirices à parte o Zé não é de levar desaforos para casa e disse àquela senhora o que muitos de nós deveríamos dizer quando somos interpelados na rua ou incomodados no conforto de nossas casas. É verdade que esta crise veio deixar muita gente na merda [passe-se a expressão] mas muitas das pessoas estão lá afundadas por vontade própria, por não terem cabeça. E mesmo depois de baterem no fundo continuam a  não ter cabeça alguma.

O Zé é uma pessoa fútil, uma persona, dos pés à cabeça. Mas nem ele tem a obrigação de alimentar este tipo de parasitas sociais só para ficar bem na fotografia.  

1 comentário:

  1. este zé quando deixa de ser amaricado ele consegue ser inteligente

    ResponderEliminar