terça-feira, 27 de outubro de 2015

Amores Em Linha

Mal sabem que uma pessoa não gosta da fruta, as meninas da empresa passam a tratar-me como se eu fosse o homem da vida delas (e da morte, que eu sou homem para além da cova), Tirando o melhor partido disso, uma pessoa tem de dar a entender, que embora goste de banana, não faltam pêras atrás de nós:

(Atendendo o telemóvel à M, já sabendo do que se tratava)

Eu:  " - Quem é?"
M: " - É o teu amor..."
"- Sim, já percebi, mas qual deles?"


2 comentários: